Indicadores para medir os resultado de um evento

Na semana passada, escrevi um artigo falando sobre a importância de mensurar os resultados de um evento corporativo e apresentei algumas maneiras de realizar essa avaliação (perdeu? Clique aqui e confira!).

Hoje, dando continuidade ao debate sobre mensuração de resultados falarei sobre os indicadores que, na minha opinião, devem ser levados em consideração na hora de medir o sucesso do seu evento.

Por onde começar

O fato é que em eventos corporativos precisamos avaliar os resultados em relação aos objetivos e ao público envolvido. Nesse sentido, sempre trabalho três pilares de indicadores: ações comerciais, ações de relacionamento e ações institucionais. 

Ações comerciais

São ações como vendas diretas de produto ou serviço, oportunidades de vendas, exposição do produto/serviço. Para medir o desempenho dessas ações, são necessários indicadores de performance antes e depois do evento para serem avaliados e comparados os resultados. São analisados indicadores como:

  • Nº de vendas geradas no dia do evento;
  • Nº de novas propostas geradas com participantes presentes no evento;
  • Nº de novos negócios em parcerias geradas a partir do evento (exemplo: novos fornecedores, novos parceiros comerciais, parcerias estratégicas, etc.)

Ações de relacionamento

São ações que aproximam o público da marca – sejam eles clientes ou prospects. Para verificar o sucesso dessas ações, é preciso estudar estes indicadores:

  • Percentual de novos clientes – para medir a prospecção de novos clientes no evento
  • Percentual de clientes que retornam – para medir a fidelização de clientes a partir do evento
  • Percentual de ex-cliente e que retornam – para medir o resgate de clientes inativos a partir do evento

Ações institucionais

Ações institucionais estão relacionadas à percepção da marca. Elas geralmente não são percebidas por meio de números e dados estatísticos, e sim em depoimentos e testemunhais dos participantes, fornecedores e parceiros do evento. Nesse sentido, os objetivos do evento que devem ser avaliados são:

  • Posicionamento da marca
  • Relacionamento com canais de distribuição
  • Reforço de marca
  • Impactos de longo prazo da marca associada ao evento
  • Mudança de comportamento do público-alvo

Sabendo o que você vai avaliar e quais indicadores precisa estar atento, fica mais fácil guiar-se para mensurar os reais resultados do seu evento. Muitas vezes um público abaixo do esperado pode ser percebido como um resultado ruim. Porém, se for um público qualificado, realmente interessado na empresa e que estreitou seu relacionamento com a marca por meio do evento, podemos considerá-lo um grande sucesso.

Por esses e outros motivos, não se deve deixar passar em branco essa fase importante de mensuração de resultados – tendo sempre em mente os objetivos do evento.

DICA

Não fazer a avaliação dos resultados é um erro muito grande. Porém, outro erro é fazer a avaliação e não utilizá-la. Após coletar os dados e informações dos envolvidos do evento, você tem um material muito bom para planejar, aprimorar e potencializar as ações para os próximos eventos.

Além disso, esses dados podem ser utilizados para validação do evento. Faça um resumo ou “Special report” com os principais tópicos, indicação de ferramentas, percepção do público, resultados alcançados, etc. Esse tipo de material serve de justificativa e argumento para próximas edições, e confirma a efetividade do evento como ferramenta estratégica.

Priscila VieiraSe tiver alguma dúvida, fique à vontade para deixar um comentário. Vou adorar trocar ideias sobre esse assunto com você.

Sucesso!

Priscila Vieira

A mensuração dos resultados acontece depois que o evento termina, mas ela deve ser pensada e planejada já na fase de organização. Para isso, é preciso conhecimento na área e experiência para saber de que forma preparar o evento de modo que ele possa ser avaliados posteriormente. Conte comigo para elaboração e planejamento de um evento completo: contato@priscilavieira.com.br

Para receber atualizações mensais sobre os conteúdos do blog, acesse a newsletter:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *